Home » Posts tagged "surdo"

LAPOLLI, Mariana. Visualização do Conhecimento por Meio de Narrativas Infográficas na Web Voltadas para Surdos em Comunidades de Prática. Tese, 2014.

 Com a evolução das Tecnologias da Informação e da Comunicação – TICs, a web tornou-se um local propício para a disseminação e o compartilhamento do conhecimento, possibilitando o surgimento de novas modalidades de ensino. No ambiente virtual é possível quebrar barreiras de acessibilidade, fazendo com que as pessoas possam experimentar suas preferências de acordo com seu perfil. Assim, os surdos, que representam uma parcela significativa da população, puderam começar a se beneficiar da diversidade de recursos que paulatinamente são agregados à rede. Tendo em vista que a comunicação dos surdos ocorre, sobretudo, pela via visual, nesta pesquisa considera-se que a visualização do conhecimento na web pode contribuir para o aprendizado dos surdos. Dentre as formas de visualização do conhecimento, optou-se pela infografia, uma vez que este recurso é caracterizado pela utilização de elementos visuais associados a textos curtos. Quanto a abordagem teórica, a pesquisa baseia-se na Teoria da Cognição Situada – TCS, que dá sustentação às comunidades de prática – CoPs, interligando pessoas com interesses em comum. Desta maneira, o objetivo desta pesquisa é: verificar a contribuição da visualização do conhecimento por meio de narrativas infográficas na web para a aprendizagem de surdos em CoPs. Para atingir o objetivo, realizou-se uma pesquisa qualitativa, exploratória e aplicada. Os resultados apresentados revelam que a visualização do conhecimento por meio de narrativas infográficas na web contribui para a aprendizagem de surdos em Comunidades de Prática desde que o conteúdo textual dos materiais concebidos seja apresentado também em LIBRAS, que o ambiente de ensino e aprendizagem explore ao máximo os elementos visuais de maneira organizada e que as ferramentas para troca de informação permitam o compartilhamento de elementos multimídia. Além da acessibilidade, as características relacionadas à visualidade das narrativas infográficas na web também devem ser levadas em consideração na concepção desses recursos. Assim, os pontos discutidos nesta pesquisa respondem como a visualização do conhecimento por meio de narrativas infográficas na web pode contribuir para a aprendizagem de surdos em CoPs.

Link para Download: Mariana Lapolli

BUSARELLO, Raul Inácio. Geração de conhecimento para usuário surdo baseada em histórias em quadrinhos hipermidiáticas. Dissertação, 2011.

Partindo da problemática de como gerar conhecimento por meio de histórias em quadrinhos em ambiente hipermídia, observou-se a partir de uma busca sistemática na base Scopus, que não havia a utilização dessa mídia como ferramenta de educação inclusiva, com ênfase na aprendizagem do aluno surdo. Por outro lado, esta mesma pesquisa, mostrou a eficiência na utilização de imagens como meio de comunicação para o surdo, em detrimento de sua dificuldade em ler e interpretar textos escritos. Neste sentido os ambientes hipermídia também contribuem para a educação desses indivíduos, pois permitem o acesso as multimídias com características que facilitam o aprendizado desse público. A partir desses dados, buscou-se verificar se a linguagem das histórias em quadrinhos, somadas as características dos ambientes hipermídia, se apresentam como uma alternativa eficiente no processo de geração de conhecimento do indivíduo surdo. Para isso definiu-se como objetivo estabelecer diretrizes para a construção de narrativas em histórias em quadrinhos que favoreçam o aprendizado de pessoas com surdez ou deficiência auditiva. Adotou-se como metodologia a pesquisa qualitativa com caráter exploratório. A partir do resultado de duas buscas sistemáticas, nas bases Scopus e Web of Science, mais bibliografias pertinentes, foi possível a construção da fundamentação teórica, relacionando temas ligados às características cognitivas do público pesquisado; geração de conhecimento por narrativas visuais e hipermídia; e a utilização da linguagem em histórias em quadrinhos como ferramenta de repositório e propagação de conhecimento. A partir desses dados foi possível criar um protótipo de objeto de aprendizagem em histórias em quadrinhos, com características hipermidiáticas, cujo tema é a conceituação de Projeção Cilíndrica Ortogonal, para ser aplicado em um grupo de voluntários surdos de instituições que desenvolvem trabalhos sócio-educacionais com essa população na Grande Florianópolis – SC. Para a testagem do objeto com o público foram utilizadas como ferramentas para coleta de dados: questionário para se levantar o perfil do participante; atividades durante a utilização do protótipo; observação do participante na utilização do protótipo; e Focus Group com registro em vídeo. Conclui-se que a utilização de histórias em quadrinhos, além de ser bem aceita pelos alunos surdos pesquisados, também foi eficiente quanto a aprendizagem do conceito de Representação Gráfica. A junção de imagens e textos atrelados a uma narrativa ficcional e a possibilidade de uma leitura livre colaboraram para que os participantes da pesquisa pudessem entender melhor o conteúdo abordado. A pesquisa realizada permitiu elencar dez diretrizes, divididas em quatro áreas distintas, dentre as quais contemplam a construção da narrativa na linguagem de histórias em quadrinhos e do ambiente de navegação hipermídia, além de estabelecer parâmetros para a linguagem de apresentação das atividades ligadas à narrativa. De forma análoga levantou-se subsídios para futura discussão sobre a forma de interação dos usuários no ambiente programado.

Link para download: Raul Inácio Busarello