Home » Posts tagged "ensino à distância"

BUGARIM, Maria Clara Cavalcante. Desenvolvimento e Gestão de Programas de Capacitação Mediados por Tecnologia: proposição de um arcabouço teórico no âmbito da Governança Corporativa. Tese, 2012.

Em função da evolução apresentada nos conhecimentos e procedimentos contábeis, surgem novos desafios relacionados à qualificação dos profissionais de contabilidade no Brasil. Um de seus principais desafios consiste em criar soluções em educação que possibilitem a disseminação do conhecimento em contabilidade, equacionando a grande extensão territorial do Brasil, o número expressivo de profissionais registrados em todos os seus estados, as diferenças nos níveis de formação e o insuficiente número de professores qualificados, em comparação com a quantidade ofertada de cursos de graduação em ciências contábeis, assim como a demanda por educação continuada por parte dos profissionais que já atuam no mercado. Esse estudo procurou assim, desenvolver um framework de gestão estratégica da capacitação na área contábil, suportado por meios tecnológicos, para atender às demandas dos diversos níveis de formação no âmbito da governança corporativa. A pesquisa, basicamente aconteceu em dois momentos. O primeiro foi a construção do framework. Aqui, o estudo foi de cunho teórico construtivista, tendo como base o modelo de criação de valor corporativo por meio das dimensões Desempenho, Conformidade e Responsabilidade, o ciclo da Qualidade (PDCA), as contribuições do Capital Intelectual (Humano, de Relacionamento e Estrutural), bem como os preceitos da moderna contabilidade, do Ensino a Distância, da gestão corporativa e organizacional. Em um segundo momento, extraindo-se da literatura um questionário contendo os componentes do framework, conseguiu-se validar o arcabouço elaborado, com 24 especialistas da área contábil, por meio da Técnica Delphi, utilizando-se de análise descritiva, com análise qualitativa das contribuições dos especialistas para o framework. As contribuições para o framework coletadas dos especialistas e alinhadas ao referencial teórico proposto foram: Existe um contexto favorável à utilização da EaD como ferramenta estratégica de integração das capacitações em nível nacional; Políticas e Diretrizes são necessários para a visão estratégica do projeto; O método de ensino deve ser presencial e virtual (blended learning); Para a integração dos diversos atores, será necessário respeitar a autonomia das instituições parceiras para a implantação do projeto de capacitação; A avaliação do projeto de capacitação deve ser realizada por meio de entidades externas para garantir a conformidade; Será necessário a implantação do documento de declaração do Capital intelectual tendo como base o European ICS Guideline; Será necessária a elaboração de um Documento de Diretrizes, com um capítulo de Gestão da Qualidade; Será necessário uma padronização do projeto de capacitação, respeitando algumas características regionais e estar atento a estratégias emergenciais, isto é, padronização com flexibilidade; A gestão do Risco deve ser um item a ser perseguido para a evolução do projeto de capacitação em pauta; A Ética é elemento chave no processo e no projeto; A Promoção e Disseminação das melhores práticas são elementos que irão mitigar as diferenças regionais de aprendizagem. Conclui-se com um framework gerencial para programas de capacitação na área contábil, mediado por tecnologia, no âmbito da governança corporativa.

Link para Download: Maria Clara Cavalcante Bugarim

PALADINI, Suenoni. A utilização da experimentação remota como suporte para ambientes colaborativos de aprendizagem. Dissertação, 2008.

O ensino a distância está evoluindo a cada dia e constantemente em busca de novos meios, novas formas, ou ainda, novas ferramentas que possam beneficiar estudantes de toda parte do mundo com um bem muito valioso: o conhecimento. As novas tecnologias envolvidas no processo de aprendizagem evoluem em alta velocidade. Isso significa que, a cada dia, novos mecanismos, para desenvolver o conhecimento, estão sendo colocados em prática e utilizados como principal instrumento didático utilizado pelos professores. O presente trabalho surgiu pela necessidade de prover, para alunos que tenham necessidade de estudar a fundo o funcionamento de experimentos de física e tem uma estrutura precária para praticas de ensino de física, e que possa ser colocado em prática o conteúdo aprendido em sala de aula. Para tanto, fez-se necessário pesquisar o estado atual da tecnologia educacional que se constitui em passo prévio para exposição dos modelos e metodologias que constituem os principais aportes desta dissertação. Iremos mostra que A experimentação remota poderá ser usada preferentemente quando o experimento real é difícil de observar por razões de tempo, seja perigoso ou por ser muito caro financeiramente. Neste projeto vamos utilizar experimentos no ensino de física em laboratório on-line utilizando a Internet.

Link para download: Suenoni Paladini

SILVA, Juarez Bento. A utilização da experimentação remota como suporte para ambientes colaborativos de aprendizagem. Tese, 2007.

As novas tecnologias da informação e comunicação têm assumido nas últimas décadas um papel fundamental na representação social da realidade universitária as mudanças por elas proporcionadas ocorrem a uma velocidade vertiginosa derivando disso uma nova cultura. Neste contexto o ensino e a aprendizagem não são atividades solitárias e são tratados como um esforço cooperativo entre os atores envolvidos neste processo, onde a participação ativa e a interação permitem que o conhecimento possa emergir desde um diálogo ativo entre os participantes compartilhando suas idéias e informação. O ensino e aprendizagem já não estão limitados aos trabalhos dentro das salas de aulas e as modalidades de ensino presencial e à distância começam a serem fortemente modificadas desafiando as instituições de ensino superior – IES a encontrar novos modelos para novas situações. Uma das tarefas mais importantes das IES é tornar os currículos dos cursos mais flexíveis, onde se apresenta como possibilidades promissoras é a integração das atividades presenciais e a distância em modelo denominado “blended learning”. Na prática já vivemos em nosso país um modelo de flexibilização curricular, pois, segundo a portaria 2253 do MEC, de 18 de outubro de 2001, as IES podem ministrar 20% da carga total dos cursos na modalidade presencial com disciplinas no formato EAD. Esta tese apresenta a utilização da experimentação remota como suporte para ambientes de ensino/aprendizagem acreditando que esta proposição possa representar aportes aos atuais modelos educacionais. Os laboratórios de experimentação remota são caracterizados pela realidade mediada pela distância, similares aos laboratórios “hands-on” requerem espaço e dispositivos, porém, são diferenciados destes uma vez que experimentos e usuários estão geograficamente separados. Um laboratório de experimentação remota pode proporcionar aos estudantes uma aproximação deste com o mundo real, uma vez que, as atividades de laboratório desempenham um papel crítico na formação, principalmente em cursos nas áreas das ciências naturais e tecnológicas e também representam uma maneira de compartilhamento de recursos, de tal forma a reduzir os custos para utilização destes recursos, por parte das IES além de constituir em um fator de enriquecimento da experiência educacional.

Link para download: Juarez Bento da Silva