Home » Posts tagged "Empresa de Base Tecnológica."

ZACARKIM, Valder Lemes. A CAPACIDADE EMPREENDEDORA COMO FATOR CRÍTICO DE SUCESSO EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS. Dissertação, 2017.

O Gerenciamento de Projeto é uma atividade composta por diversas áreas de conhecimento, ferramentas e processos que visam facilitar o planejamento, o controle, a execução e o cumprimento de um objetivo. Contudo, a condução e utilização da metodologia de forma a atingir os objetivos, depende das capacidades do Gerente de Projeto, muitas vezes aquém de todas as necessidades específicas do projeto. Essas capacidades são cada vez mais demandadas pelas organizações por estarem em consonância com o dinamismo tecnológico presente no mercado atual. Portanto, em se tratando de geração de valor, a capacidade do indivíduo em inovar, empreender e, por conseguinte atender satisfatoriamente aos Fatores Críticos de Sucesso de um projeto são fundamentais para a manutenção da competitividade das Empresas de Base Tecnológica. Diante deste contexto, o objetivo desta dissertação consistiu em verificar as relações existentes entre a Capacidade Empreendedora de Gerentes de Projeto e os Fatores Críticos de Sucesso de Gerenciamento de Projetos em uma Empresa de Base Tecnológica. Para atingir o propósito traçado, metodologicamente assumiu-se uma abordagem qualitativa, de caráter exploratório e descritivo. Os dados foram coletados por meio de uma pesquisa bibliográfica e de um estudo empírico em uma Empresa de Base Tecnológica, mediante pesquisa documental, entrevista semiestruturada e questionário elaborado no projeto Skills para a obtenção da Capacidade Empreendedora. Como resultado desta pesquisa, em linhas gerais, verificou-se que as relações identificadas permitem uma análise diferenciada do Gerente de Projeto no tocante à sua capacidade de atendimento aos FCS de um projeto. Além disso, compreendeu-se que estas relações podem ajudar na definição de qual o perfil necessário do gestor, bem como quais são os pontos que precisam ser evoluídos para o gerenciamento satisfatório de um projeto. Por fim, identificou-se que o maior desafio do Gerente de Projeto é também o maior desafio do Empreendedor, uma vez que ambos precisam das capacidades de gestão bem desenvolvidas para atuar em seu empreendimento ou projeto.

 

Link para download: Valder Lemes

MACHADO, Edson Valdir. Criatividade e Inovação: Um Estudo de Caso em uma Empresa de Base Tecnológica. Dissertação, 2014.

O presente trabalho tem como objetivo verificar como ocorre o estímulo do potencial criativo visando a inovação em uma organização de base tecnológica, identificando técnicas de estímulo da criatividade que levam a inovação. No desenvolvimento deste trabalho, utilizou-se um estudo de caso em uma organização de base tecnológica para identificar e analisar quais são as práticas utilizadas pela organização, para estimular o potencial criativo. Realizou-se uma revisão sistemática da literatura norteada pelos temas criatividade e inovação em organizações de base tecnológica que gerou a pergunta de pesquisa: Como se desenvolve a criatividade visando a inovação em organizações de base tecnológica? Na metodologia, a abordagem foi qualitativa com pesquisa exploratória e descritiva. Na coleta de dados, utilizando a técnica de estudo de caso, realizaram-se entrevistas semiestruturadas com observação participante. Na análise dos dados, utilizou-se a análise de conteúdo para compreender os dados coletados durante as entrevistas semiestruturadas. Como resultados da fundamentação teórica, identificaram-se três categorias: a criatividade, inovação e conhecimento organizacional. Dentro destas categorias, foram identificadas subcategorias, ao analisar os depoimentos dos participantes nas entrevistas semiestruturadas e, a partir destas subcategorias, foi realizada a análise de conteúdo. Pode-se concluir, a partir de tais categorias e subcategorias levantadas, que, na visão dos colaboradores entrevistados, a empresa possui pontos positivos e oportunidades de melhorias. Verificou-se como ocorre o estímulo do potencial criativo visando a inovação em uma organização de base tecnológica, que ficou caracterizado pelas ações tais como: liberdade para criar, possibilidade de expor novas ideias, motivação e satisfação na execução das atividades, incentivo dos líderes e dos colegas de trabalho, formalização nos processos de desenvolvimento de produto e espaço para criação.

 

Link para download: Edson Valdir Machado