porno
beşiktaş escort mecidiyeköy escort aksaray escort bahçeşehir escort
Home » Dissertação » MARTINS, Marina Monguilhott. Políticas Públicas e Destinos Turísticos Inteligentes: proposta de uma ferramenta de análise da situação de municípios brasileiros. Dissertação, 2020.

MARTINS, Marina Monguilhott. Políticas Públicas e Destinos Turísticos Inteligentes: proposta de uma ferramenta de análise da situação de municípios brasileiros. Dissertação, 2020.

O turismo está em constante evolução. Este fenômeno social caracteriza-se por ser complexo, multissetorial e competitivo. Emerge, neste contexto, o conceito de Destino Turístico Inteligente, uma visão inovadora que busca eficiência, competitividade e qualidade das experiências turística. Assim, o objetivo da presente dissertação é propor uma ferramenta para analisar a situação turística atual dos municípios brasileiros, tendo em vista as Políticas Públicas Federais Brasileiras de Turismo e a visão de Destinos Turísticos Inteligentes. O foco nas políticas públicas de turismo é justificado pela capacidade dessas políticas em serem políticas de desenvolvimento. Além da revisão integrativa realizada, levantou-se seis políticas públicas federais brasileiras de turismo e uma norma internacional relativa ao desenvolvimento de Destinos Turísticos Inteligentes. A partir deste arcabouço teórico e normativo, identificou-se diretrizes (inovação, tecnologia, acessibilidade, sustentabilidade, regionalização e governança pública) e estratégias (criação de um Ente Gestor, plano diretor, plano de operação e monitoramento) que possuem papel relevante tanto da visão dos Destinos Turísticos Inteligentes, quanto das políticas públicas federais brasileiras de turismo. Essas diretrizes e estratégias fundamentam a ferramenta proposta por este trabalho, construída com base no método Design Science Research. A fim de verificar a ferramenta, foi realizada a sua aplicação no município de Florianópolis. Os resultados mostraram que a ferramenta proposta é capaz de fornecer um diagnóstico do turismo municipal, tendo em vista as políticas públicas federais brasileiras de turismo e a visão dos Destinos Turísticos Inteligentes. A dissertação contribui com a academia ao promover a discussão, ainda recente e pouco explorada, entorno das políticas públicas de turismo e dos Destinos Turísticos Inteligentes. Da mesma forma, o trabalho fornece uma contribuição prática, ao propor uma ferramenta que gera insumos que poderão auxiliar os gestores brasileiros na condução e na transformação dos destinos turísticos.

Palavras-chave: Destinos Turísticos Inteligentes. Políticas Públicas. Turismo.

Link para download: Marina Monguilhott Martins

Posted in Dissertação, Gestão do Conhecimento