porno
beşiktaş escort mecidiyeköy escort aksaray escort bahçeşehir escort
Home » Dissertação » MORAES, Leonard Almeida de. O MENTEE enquanto Símbolo na Aprendizagem Organizacional. Dissertação, 2020.

MORAES, Leonard Almeida de. O MENTEE enquanto Símbolo na Aprendizagem Organizacional. Dissertação, 2020.

Dentre algumas metodologias de aprendizagem presentes nas organizações, o mentoring teve notoriedade a partir dos estudos de Levinson (1978) e Kram (1985). Esses autores desenvolveram pesquisas em que qualificavam relações de atração mútua entre indivíduos para o desenvolvimento da carreira e apoio psicossocial ao mentee como processos de mentoring. Neste contexto, temos o mentoring como uma metodologia que propicia não só a aprendizagem de indivíduos, mas também das organizações. O conceito de aprendizagem organizacional (AO) teve sua gênese na literatura de gestão do conhecimento (DEWAH; MUTULA, 2014). Trata-se de uma ciência multidisciplinar composta pela psicologia, sociologia, antropologia, administração, economia, entre outras, ao passo que novas perspectivas vêm surgindo (DEWI, DWIATMANDJA; SUHARTI, 2018). Dentro da aprendizagem organizacional, o mentoring tem sido compreendido como uma modalidade representativa de abordagem socioprática. Esta abordagem compreende o conhecimento como tácito e explícito e presente nas relações sociais e práticas contextualizadas (ALMEIDA; SOUZA-SILVA, 2015). A partir das provocações propostas por Buzzanell e D’Enbeau (2014), seria possível compreender os aspectos simbólicos da relação do mentoring em busca dos seus aspectos conscientes e inconscientes. Por trás dessa relação, existiriam figuras arquetípicas com predisposições específicas.  Neste sentido, essa dissertação propôs compreender o símbolo do mentee no contexto da aprendizagem organizacional a partir do método do processamento simbólico-arquetípico, advindo do paradigma junguiano. Este paradigma advém da Psicologia Analítica, ciência fundada pelo psiquiatra suíço Carl Gustav Jung. Coletamos relatos de experiência e desenhos de mentees participantes de um programa de mentoring em uma cooperativa de crédito no interior de Santa Catarina. Realizamos duas revisões de literatura narrativas com busca sistemática. A primeira buscou das origens simbólicas do mentoring, enquanto a segunda estabeleceu a relação entre mentoring e aprendizagem organizacional. Como resultados da pesquisa, compreendemos que os aspectos do mentee estão ligados ao processo de individuação do mentee e da aprendizagem organizacional. Estes achados possibilitam uma visão de base arquetípica das relações de mentoring e como o mentee é um símbolo de transformação na organização do qual emerge uma potencial aprendizagem organizacional ao mesmo tempo que desenvolve sua personalidade.

Palavras-chave: mentoring. mentee. aprendizagem organizacional. psicologia analítica.

Link para Download: Leonard Almeida de Moraes

Posted in Dissertação, Gestão do Conhecimento