Home » Dissertação » LIMA, Taís Azambuja Alves de Lima. Marcas do lugar: conhecimento, intersubjetividade e ficção no processo de mediação da arte Graffiti. Dissertação, 2016.

LIMA, Taís Azambuja Alves de Lima. Marcas do lugar: conhecimento, intersubjetividade e ficção no processo de mediação da arte Graffiti. Dissertação, 2016.

Este estudo apresentado em formato de dissertação de mestrado foi
desenvolvido no contexto da área de Mídia e Conhecimento do
Programa de Engenharia e Gestão do Conhecimento (PPEGC/UFSC).
No seu conteúdo é descrito o conhecimento produzido e disseminado na
relação mediada por pinturas Graffiti. Para tanto, foram adotados
conceitos e argumentos sobre mídia, conhecimento e, especialmente,
teoria psicanalítica. Também, houve entrevistas com sete artistas e duas
moradoras e ainda entrevistas breves com mais 12 representantes da
comunidade da região em torno da Lagoa da Conceição na cidade de
Florianópolis, capital de Santa Catarina. Como resultados do estudo
observou-se que, em torno dessa relação, (1) há a produção de um
discurso racionalizado e familiar, que formula o conhecimento
necessário para integrar as pinturas Graffiti na região
estudada, justificando-as como objetos de valor sensorial, cultural, moral
e sociopolítico; (2) foi discutida a relação intersubjetiva, consciente e
inconsciente, entre artistas e sujeitos observadores, que é mediada pelas
pinturas Graffiti, provocando o estranhamento e também o
reconhecimento tácito da representatividade das imagens, como marcas
da expressão dos artistas e campo da projeção afetiva do público; (3) foi
considerado o conhecimento de uma iconografia particular, lírica e
predominantemente animista, decorrente das figuras representadas nas
pinturas Graffiti que marca, identifica, distingue, representa e ilustra o
lugar.

Link para Download: Taís Azambuja Alves de Lima

Posted in Dissertação, Mídia e Conhecimento and tagged as , ,