Home » Mídia e Conhecimento » BRAGLIA, Israel. Um Modelo Baseado em Ontologia e Extração de Informação como Suporte ao Design Instrucional na Geração de Mídias do Conhecimento. Tese, 2014.

BRAGLIA, Israel. Um Modelo Baseado em Ontologia e Extração de Informação como Suporte ao Design Instrucional na Geração de Mídias do Conhecimento. Tese, 2014.

A educação à distância (EAD) é uma realidade em expansão. Sobre esta evolução está o design instrucional permeando as equipes de produção para cursos em EAD. Nesta tese o objetivo foi propor um modelo baseado em ontologia e extração da informação como suporte ao processo de design instrucional na geração de mídias do conhecimento. Sendo assim, esta tese propõe um modelo que tivesse como suporte ontologias de domínio para a EAD – pois todo material instrucional de um curso de EAD nasce de um texto bruto (corpus). Com a intuição de auxiliar a fase de implementação do designer instrucional sob a leitura deste texto bruto, foi criado um modelo de representação baseado em ontologia para que o mesmo possa projetar ao designer instrucional as categorias básicas sobre o texto. Para isso, ao trabalhar o texto bruto, o designer instrucional pode se atribuir de uma ferramenta de extração de informação e, por consequência, agilizar seus insumos de trabalho. É importante destacar que o modelo aqui proposto se expande e funciona em sua totalidade através da integração com outras ontologias para realizar uma representação gráfica do corpus: que expõe conexões existentes entre os termos e como eles podem ainda, em uma visão geral, se inter-relacionar com outros termos do texto. Esta representação gráfica é um mapa conceitual gerado a partir das regras da ontologia que contemplam o modelo. A mídia do conhecimento no modelo são os mapas conceituais gerados. Para exemplifica-lo, três disciplinas do curso Letras/LIBRAS da UFSC foram selecionadas. Os textos brutos destas disciplinas foram marcados de acordo com as regras estipuladas. Sobre estes termos marcados, a ontologia criada foi aplicada e sobre ela, outras ontologias de domínio alimentaram os termos para conceituação e explicação dos mesmos. Com o modelo aplicado, através de verificação com especialistas entende-se que o mesmo é tido como válido e que apresenta possibilidades positivas ao fluxo de design instrucional.

 

Link para Download: Israel Braglia

Posted in Mídia e Conhecimento, Tese and tagged as , , , ,