Home » Gestão do Conhecimento » CADORI, Aluízia Aparecida. A gestão do conhecimento aplicada ao processo de transferência de resultados de pesquisa de instituições federais de ciência e tecnologia para o setor produtivo: processo mediado pelo núcleo de inovação tecnológica. Tese, 2013.

CADORI, Aluízia Aparecida. A gestão do conhecimento aplicada ao processo de transferência de resultados de pesquisa de instituições federais de ciência e tecnologia para o setor produtivo: processo mediado pelo núcleo de inovação tecnológica. Tese, 2013.

O objetivo principal desta tese consistiu em propor um modelo para intensificar o processo de transferência de resultados de pesquisa de universidades federais para o setor produtivo via licenciamento dos direitos de propriedade intelectual. Para atender ao objetivo proposto, a estratégia de pesquisa adotada caracterizou-se quanto ao método como Estudo de Caso Único, quanto à abordagem como pesquisa qualitativa e quanto ao objetivo como pesquisa exploratória. A coleta e análise de dados e conteúdos para a pesquisa embasaram-se em categorias temáticas, previamente elaboradas, com base nas proposições iniciais do estudo/problema, objetivos e pressupostos da pesquisa. O modelo proposto com base nos resultados da pesquisa envolve, por parte da universidade e do Núcleo de Inovação Tecnológica (NIT), ações estratégicas em distintas frentes de atuação. Não basta a universidade constituir um NIT para afirmar ter uma política de inovação implementada. Há a necessidade de a universidade elaborar sua política de inovação e que a mesma esteja em consonância com as políticas públicas federais para Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I) e para a Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PD&I), em nível federal e institucional respectivamente. O papel do NIT como interlocutor no processo de Transferência de Resultados de Pesquisa de Universidades Federais para o Setor Produtivo (TRP-UF-SP) foi apontando como de extrema relevância. No entanto, a pesquisa demonstrou que o NIT não cumpre integralmente esse papel. Em relação ao licenciamento dos direitos de propriedade intelectual, de acordo com o modelo proposto, o NIT possui duas frentes de atuação: o licenciamento dos resultados de pesquisa, protegidos pelos direitos de propriedade intelectual, provenientes do portfólio da universidade, e; o licenciamento dos resultados de pesquisa, protegidos pelos direitos de propriedade intelectual, provenientes da parceria para Pesquisa e Desenvolvimento (P&D). Em relação à equipe do NIT, os resultados da pesquisa salientaram sobre a necessidade de ações, por parte da universidade, para compor uma equipe com perfil multidisciplinar e com competência para atuar no mercado, selecionar pessoas do quadro efetivo da instituição e aumentar o número de colaboradores no NIT. No que se refere à gestão do conhecimento (GC), constatou-se que o NIT poderia utilizar-se ainda mais de práticas de GC para estimular a equipe a compartilhar o conhecimento e explicitar os procedimentos internos de gestão e as rotinas bem-sucedidas no processo de TRP-UF-SP. O modelo que emergiu dos resultados da pesquisa propõe ações para implementar práticas de GC na gestão do NIT, seguida de recomendações para inserir tais práticas no dia a dia da equipe, como: converter o conhecimento tácito em explícito; criar e aplicar o conhecimento organizacional; preservar a memória organizacional retendo o conhecimento das pessoas; compartilhar e transferir o conhecimento entre os colaboradores do NIT e que a GC seja utilizada como uma ferramenta que perpassa por todas as atividades do NIT e do processo de TRP-UF-SP.

Link para download: Aluízia Aparecida Cadori

Posted in Gestão do Conhecimento, Tese and tagged as , , , ,